top of page
  • Foto do escritorclaudio cas

Humanidade uma fábrica de reféns

Humanidade uma fábrica de reféns


Se você, atrás do dinheiro corres tu, do dinheiro refém tu és.


Se você, atrás do status corres tu, do status refém tu és.


Se você, atrás da fama corres tu, da fama refém tu és.


Se você, atrás da aceitação corres tu, da aceitação refém tu és.


Se você, atrás do prazer corres tu, do prazer refém tu és.


Se você, atrás do poder corres tu, do poder refém tu és.


By CAS


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Fluxo

Se o humano não está no fluxo, ele naturalmente impacta negativamente a existência. A existência de um humano deveria ter como razão de existir, descobrir o seu propósito individual e singular para en

Inevitável

Adiar o inevitável, o inevitável, inevitavelmente chegará, pois inevitável é. By CAS

Digladiar

Enquanto cada setor brigar para benefícios para si, e não pelo bem para todos, teremos, uns poucos, explorando os muitos, que por pouco digladiam-se para o pouco terem para si, este pouco, deixado exa

bottom of page